Cords Cords Cords Cords
LATAM

Transformação digital em um mercado tradicional? Emponto mostra que é possível


20 de agosto de 2021


Os avanços tecnológicos são uma realidade no ambiente empresarial. Porém, não são poucos os empresários que relutam em adotar essas soluções por estarem inseridos em segmentos mais conservadores. A grande questão é: como embarcar na jornada da transformação digital em um mercado tradicional?

A vendedora de relógios de pulso Emponto, uma das marcas mais consolidadas na cidade de São Paulo, tem mostrado que isso é possível, principalmente se o company encontra o parceiro certo para tal empreendimento. A Wevo agiu lado a lado com eles para ajudar seu canal digital a passar de um projeto em planta para uma realidade em 2020.

“Iniciar uma jornada de digitalização tem mais a ver com o companycultura e objetivos do que com seu campo. É possível ser digital mesmo num setor conservador e resistente à tecnologia”, explica Diogo Lupinari, CEO da Wevo.

Para Emponto, sua transformação digital em um mercado tradicional ajudou a ampliar o companydos canais de vendas, principalmente após o início da pandemia de Covid-19 em março de 2020. Com ela, transferiram toda a sua operação no Brasil para o e-commerce enquanto os pontos de venda físicos permaneciam fechados.

Com pouco mais de um ano trabalhando com e-commerce, a parceria com a Wevo já está rendendo excelentes resultados. Tanto que, futuramente, a meta é ampliar ainda mais a presença da nossa plataforma de integração para incluir outros serviços como o pós-venda.

Quais são os desafios da Emponto?

Com amor de pai para filho, a trajetória da Emponto é de mais de 50 anos no ramo de relógios de pulso, trabalhando com as principais marcas e tendo como diferencial a assistência técnica. Atualmente, além do Shopping Metrô Tatuapé, existem outras três lojas localizadas em shoppings espalhados pela cidade de São Paulo: Aricanduva, Ibirapuera e Center Norte.

Em 2015, eles decidiram iniciar sua jornada de transformação digital em um mercado tradicional. O primeiro passo foi adquirir uma solução ERP para digitalizar todos os seus processos. Até então, a maior parte de seus registros ainda era feita manualmente, em papel, repetindo a mesma rotina que acompanhava o company desde o seu nascimento.

Feito isso, o company decidiram incluir a criação do e-commerce no seu processo de digitalização. Mas surgiu um problema: o sistema ERP contratado não conseguia ser integrado à plataforma de comércio eletrônico escolhida. Sem esse serviço a loja virtual simplesmente não poderia existir.

Qual foi o papel da Wevo nessa transformação em um mercado tradicional?

A Emponto precisava ir ao mercado em busca de uma plataforma de integração que pudesse cumprir a tarefa de conectar esses dois sistemas. Seu foco era encontrar um company que oferecia o melhor preço, mas também um bom atendimento ao cliente e suporte para profissionais que não eram particularmente conhecedores de tecnologia.

Depois de muita pesquisa, eles escolheram a Wevo para apoiar seus transformação digital em um mercado tradicional. Nossa plataforma registrou com sucesso os mais de dois mil SKUs do seu portfólio, além de conectar seu ERP à sua plataforma de e-commerce e garantir a separação dos companysistemas em diferentes projetos.

“Não consigo nem mensurar a importância do Wevo em nossa operação digital. Sem a integração não teria dado certo, não teria como”, disse Mario Nakaya, da Emponto.

Somos especialistas em digitalização!

Transformação digital em um mercado tradicional realmente é um desafio, mas com planejamento, dedicação e boas parcerias é possível aproximar diferentes marcas e seus consumidores, ampliando as possibilidades de vendas e relacionamentos. Você só precisa encontrar as melhores soluções para isso.

Nós, da Wevo, temos quase uma década de experiência como plataforma de integração como serviço (iPaaS) e somos os primeiros company na América Latina nesse segmento. Além do Brasil, participamos de projetos de diversos setores em mais de dez países da América Latina, América do Norte e Europa.

Dúvidas? Estamos aqui para ajudar.

Contacto